Foodtech capta R$ 750 mil em investimentos

0
504

Em 2018, chegou ao mercado brasileiro a food tech 100 FOODS , com a proposta de desenvolver alimentos de maneira saudável, mais natural e a base de plantas, para produtos que são normalmente vilões nas mesas dos brasileiros. Seus molhos Ketchup, Barbecue e Mostarda são zero calorias, açúcares, sódio e sem conservantes artificiais, sendo apenas adoçados com Stévia, exclusividade da marca.

Mesmo no cenário de crise e isolamento social impostos pelo avanço do coronavírus no Brasil, a 100 FOODS acaba de anunciar o sucesso de sua primeira captação, através de investimento anjo, no valor total de R﹩ 750 mil. A startup busca gerar disrupção no mercado de alimentos, desenvolvendo produtos de uso cotidiano de forma mais saudável, inteligente e sustentável, sem utilização de ingredientes de origem animal.

“Este novo aporte captado agora, ainda que neste contexto social de bastante incerteza, é bem estratégico para a 100 FOODS, pois nos permite focar e dar sequência no nosso planejamento de expansão da marca e, inclusive, de outros produtos que já temos testados e que deveremos lançar em breve”, adianta Paulo Ibri, fundador e CEO da foodtech.

Linha especial de maioneses. Foto: Divulgação

A foodtech possui também uma linha especial de maioneses, entre elas a primeira feita de proteína de ervilha, que substitui o ovo da receita e também a maionese com óleo de avocado, muito mais saudável que as tradicionais. A foodtech é acelerada pela Organica 10.4.3, que reúne um time de especialistas com experiência de mercado e muitos cases no currículo, que trabalham juntos nas suas áreas complementares.

Comentários

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui