Restaurante Mayú

0
5395

A experiência da cozinha internacional, desenvolvida pelos alunos do SENAC e seu professor

Polenta frita. Imagens cedidas pelos estabelecimento.

O Mayú é um restaurante escola do Senac com o intuito de integrar a parte educacional e a sua produção com o grande objetivo de desenvolver a cadeia produtiva da gastronomia do Ceará. Uma cozinha autoral onde se utilizada técnicas universais da cozinha mundial, respeitando o produto local. Atualmente, no almoço são trabalhados quatro pilares de cozinha internacional: asiática, francesa, italiana e espanhola, pois são esses quatro pilares que é ensinado dentro da formação no Curso de Cozinheiro do Senac. “Nós entendemos que a gente consegue evoluir o mercado, a partir do momento que a gente tenta mostrar o que é melhor. Fazemos nossa versão da cozinha internacional”, explica Ivan Prado, chef, professor e coordenador desse projeto. No menu a noite, o restaurante apresenta um menu degustação em vários passos da entrada a sobremesa, buscando uma cozinha autoral criativa, e principalmente, valorizando os produtos locais, utilizando as técnicas culinárias. O grande negócio do Mayú é vender A experiência.

A mente criativa, o pesquisador e grande chef do Mayú é Ivan Prado. “Ser cozinheiro nunca foi uma meta na minha vida, apenas gostava de ajudar a minha mãe e minha avó na cozinha, assim fui crescendo em meio as panelas brincando. Por incentivo da minha mãe decide ser cozinheiro e entrei pela primeira vez em uma cozinha profissional. Me lembro de cada detalhe, do cheiro, dos sabores e dos ingredientes que nunca tinha visto, paixão à primeira salteada. Não acredito em uma entrega sem esforço. Cozinhar é um ato de amor, materializado em algo comestível. Ser chef é um status, o chef é um cozinheiro que com sua experiência pode ter a oportunidade de cuidar de uma cozinha, criando, orientando, aprendendo e ensinando e sempre cozinhando e servindo pessoas que amam comer”, ensina o Chef.

Diego Freire é um filho Senac, hoje ela toca a cozinha do Mayú como braço direito de Ivan Prado. “Minha vida na cozinha começou baseada no aprendizado e na formação profissional, sempre em busca das bases clássicas de cozinha. Hoje, juntamente com toda a equipe do Mayú coloco esse aprendizado em prática diariamente, desenvolvendo criações autorais e que valorizam a cultura alimentar cearense, sempre em busca da constante evolução”, conta ele.

Na semana italiana, o menu vai de Nhoque a la romana, cogumelo e funduta de queijo trufada, nhoque de sêmola de trigo com parmesão, cogumelo salteado na manteiga de ervas e molho à base de creme de leite fresco, parmigiano-reggiano e azeite trufado. A semana francesa chega com o Salmão mi cuite, purê de couve flor com alho poro e molho de dill, salmão mal passado, com purê de couve flor com alho poro, couve flor e alho poro tostado e molho a base creme e dill. A culinária asiática apresenta o Tonkatsu sake, molho tare, shari com furikake, porco crocante, com molho tare e arroz de sushi com tempero de alga e gergelim. E por fim a cozinha espanhola com Batata brava com polvo e molho romesco, uma batata com molho picante, polvo no vapor e molho de amêndoas com pimentão assado. O Menu Executivo do almoço custa R$ 55,00 e o Menu Degustação do jantar, elaborado em 5 etapas fica por R$ 80,00.

Endereço: Av.Desembargador Moreira, 1301 – 4º andar – Senac Reference Horário de Funcionamento: Segunda a sábado, das 12h às 15h; terça a sábado, das 19h às 22h Contato: (85) 99430-9755 Instagram: @restaurantemayu

Comentários

Comentários