A história do croissant e 3 opções para provar em Fortaleza

O Croissant, na verdade, não tem origem francesa. Alguns atribuem a criação aos padeiros de Viena em 1683, que livraram a cidade da invasão do Império Otomano. Logo depois eles criaram um pão em formato de meia lua para celebrar a vitória. O pão folhado tinha como formato uma lua, justamente um dos símbolos da bandeira da Turquia.

Em outra versão, alguns pesquisadores atribuem sua invenção ao comerciante vienense de origem polaca Franz Georg Kolchitsky, que vivia em Constantinopla e criou o pão para tomar com café em 1475. Mas temos que dar os créditos aos franceses e, principalmente, a Maria Antonieta por popularizar a massa folhada, crocante por dentro e macia por fora.

Croissant da Benévolo Café. Foto: Instagram

Para comemorar, o dia 30 de janeiro foi instituído como o Dia do Croissant e a Benévolo Café e Gelato não perdeu tempo e preparou uma promoção para o dia. Na compra do folhado (a partir de R$ 9,90), recheado ou não, o cliente tem direito a uma bebida gratuita.

Pâine – foto: divulgação

Na Pâine Croissanterie do shopping RioMar Fortaleza não há promoção, mas é uma dica para provar um dos melhores croissant da cidade. No cardápio, oito opções de folhados doces e quatro salgados. Cada croissant é feito a mão desde o processo de fermentação da massa, que é au levain (natural), até a finalização. O Cheesecake (R$ 24,5) é recheado com creme leve de cream cheese e compota artesanal de morango e o Terroir (R$ 20,5) recheado com musseline de macaxeira, carne de sol e picles de cebola roxa.

Já na Brie Cozinha & Café, também no RioMar, o principal do cardápio são os sanduíches servidos nas versões baguette, brioche e croissants (produzidos por Grão D’Alino Pães Artesanais) com recheios a escolha do clientes com opções doces e salgadas. Teste a opção de de crossaint com recheio de brie com parma, rúcula e tomate (R$ 20,90).

Croissant Brie Cozinha & Café. Foto: Instagram

Comentários

Comentários

Latest articles

Related articles

spot_img