O bom e velho vinho português

0
1493

vinho_portugues_riomar_fortaleza_sao_luiz_degustacao

Por Juciana Gurgel
Especial para o Sabores da Cidade

Se alguém pode falar em tradição no mundo da enologia é Pedro Silva Reis. Sócio proprietário da Real Companhia Velha, ele está à frente de uma das mais tradicionais vinícolas de Portugal, fundada por D. José I, Rei de Portugal, sob os auspícios de Marques de Pombal. Não à toa, o vinho mais famoso da vinícola é o vinho do Porto Dom José, que celebrou este ano 260 anos de existência e de atividade interrupta a serviço do Vinho do Porto.

Pedro, presidente da vinícola desde 2002, conduziu a degustação dos vinhos da Real Companhia Velha nesta última terça, dia 25, nos Mercadinhos São Luiz do RioMar Fortaleza, realizada para convidados. Uma oportunidade de mostrar que a Companhia não vive apenas de Vinho do Porto e conferir que as últimas safras produziram vinhos de ótima qualidade nas vertentes de tintos e brancos também.

No total, cinco vinhos foram apresentados:
– Vinho Branco Porca de Muça DOC (2015) – um vinho jovem, equilibrado e refrescante. Perfeito para ser servido com comida mais leve como saladas, peixes e pratos japoneses.

– Vinho Tinto Porca de Muça Reserva DOC (2013) – Já conhecido pelos cearenses amantes do vinho, esse produto é bem equilibrado, harmonioso e de aroma muito intenso. Harmoniza bem com pratos de carne e queijos fortes.

– Vinho Tinto Quinta dos Aciprestes Reserva DOC (2014) – A boa surpresa da noite, preferido de vários que estavam presentes na degustação, é um vinho muito elegante e macio. Além de carne e queijos, harmoniza com massas também.

– Vinho do Porto Dom José Ruby – O mais conhecido de todos é um vinho super harmônico, perfeito para antes das refeições.

– Vinho Royal O Porto 10 anos – Um vinho do Porto de 10 anos não tem como dar errado. Equilibrado, elegante e intenso, é um produto que todo mundo quer e pode ser bebido em qualquer ocasião.

Algumas curiosidades

– O vinho do Porto na verdade é produzido na região do Douro, já famosa por seus vinhos, mas a comercialização e envelhecimento do produto são realizados na região do Porto, por isso o nome.

– Agora, porquê o vinho do Porto não é envelhecido na região do Douro? Por causa do clima quente de Vila Nova de Gaia (cidade localizada em frente ao Porto), que é bem mais propício para o correto envelhecimento do produto.

– A Companhia Real Velha é a única que remanescente da época do Marquês de Pombal, portanto é a mais antiga e emblemática empresa de vinhos de Portugal.

Comentários

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui