Restaurantes e shoppings têm horário ampliado com avanço da flexibilização no CE

0
802
GOVERNADOR CAMILO SANTANA E SECRETARIO DE SAUDE DR CABETO EM LIVE SOBRE O NOVO DECRETO ESTADUAL PARA O ENFRENTAMENTO DO CORONAVIRUS; SESA; LIVE; DECRETO; FOTOS © CARLOS GIBAJA/ GOV. DO CEARA;

Com novo decreto, todas as macrorregiões, exceto o Cariri, passam a ter shoppings e restaurantes funcionando até as 22h

GOVERNADOR CAMILO SANTANA E SECRETARIO DE SAUDE DR CABETO EM LIVE SOBRE O NOVO DECRETO ESTADUAL PARA O ENFRENTAMENTO DO CORONAVIRUS; SESA; LIVE; DECRETO; FOTOS © CARLOS GIBAJA/ GOV. DO CEARA;

 Em transmissão ao vivo via redes sociais na tarde desta sexta-feira (4), o governador do Ceará, Camilo Santana, divulgou detalhes do novo decreto estadual de combate à pandemia da Covid-19. Todas as macrorregiões, exceto o Cariri, terão comércio de shoppings e setor de bares e restaurantes funcionando até às 22 h. Já a região do Cariri segue com mais restrições das atividades não essenciais. As determinações vigoram até 13 de junho próximo. O governador também adiantou que eventos corporativos, com regras específicas, deverão ser autorizados a partir de 14 de junho.

O anúncio foi feito após reunião virtual com o comitê formado por profissionais de Saúde, presidentes do Tribunal de Justiça e Assembleia Legislativa, e representantes do Ministério Público Estadual, Federal e do Trabalho, e a Prefeitura de Fortaleza. Na ocasião do anúncio estava presente o secretário da Saúde do Ceará, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho (Dr. Cabeto).

“Temos a preocupação ainda com os números do Cariri, portanto não há avanço em relação ao último decreto. Para as outras regiões do Estado há mudanças significativas, sai o toque de recolher às 22 horas e passa para às 23 horas. Por isso, vamos permitir que restaurantes e comérico de shoppings possam funcionar até às 22 horas”, informou Camilo. “Vamos autorizar também, a partir de 14 de junho, eventos corporativos, mas com limitação de público e com protocolos a serem definidos na próxima semana”, antecipou. 

Vacinas
Camilo Santana reafirmou o esforço de conseguir mais vacinas ao Ceará. “Só vou descansar quando todos os cearenses estiverem vacinados. E neste domingo já começaremos a vacinação do público geral, que inclui pessoas de 59 a 18 anos”, disse. O governador citou perspectiva de aumento de recebimento de remessas: “Deveremos receber mais vacinas Coronavac a partir da próxima semana, pois o Instituto Butantan já voltou a produzir suas vacinas. Mas a notícia melhor ainda é que, a partir de outubro, deveremos ter mais doses no Brasil, pois a Fiocruz produzirá seu própria IFA, não dependendo mais de insumos vindo da China ou da Índia, para fabricar a vacina no Brasil”. 

Sobre o número de vacinados no Ceará, segundo o Vacinômetro da Sesa, até às 17h da última quinta-feira (3), 2.909.248 doses já foram aplicadas em todo o Estado. Com isso, 1.820.930 cearenses receberam a primeira dose, e 1.088.318 já foram imunizados com a segunda dose.

A pandemia não acabou
Camilo Santana finalizou o pronunciamento agradecendo a todos os profissionais de saúde, tanto os que estão na linha de frente nos hospitais, que se desdobram nos plantões, quanto àqueles que estão vacinando diariamente os cearenses. Além disso, fez questão de lembrar aos cearenses que a pandemia ainda não acabou. “Meu muito obrigado aos profissionais de saúde, vocês têm sido gigantes. E a nossa luta continua por vacinas, mas é importante que cada um colabore, estamos cada vez mais perto de superar essa pandemia. Vamos nos prevenir, praticar o distanciamento social, evitar festas e aglomerações, usar a máscara é fundamental, com isso estamos protegendo as pessoas que nós amamos”, finalizou o governador do Ceará.

Comentários

Comentários